Image default
Lifestyle Moda

Estilo para mulheres maduras

Uma inspiração para todas as idades. Não se engane: estilo para mulheres maduras não se refere à moda das caricatas vovozinhas de vestido e avental que costumamos ver nos rótulos dos bolos “caseiros”. Elas têm seu charme, é claro, mas aqui nos referimos às senhoras que já passaram dos 50 anos e que, dentre outras coisas, são ligadas em moda e adoram andar bem vestidas.

Consuleo Blocker

Afinal, como já citou a blogueira e influenciadora digital Consuelo Blocker “os 50 são os novos 30”.

Pensando nisso, resolvemos hoje falar com você, que adora moda, é super ativa e pode ser que às vezes fique um pouco indecisa na hora de escolher o look adequado, seja para o dia-a-dia ou para alguma ocasião especial.

A primeira coisa que você deve saber é que seu estilo pessoal não muda ao longo dos anos. Ele é uma extensão da sua personalidade, da sua essência e, assim, como outros pontos de sua vida, você o adapta conforme o tempo passa.

Uma mulher madura pode usar o que quiser, desde que esteja de acordo com o que ela quer sentir e com o momento da vida em que ela se encontra.

Lilian Cabral

Segundo Lilian Jordão, consultora de moda, a moda para mulheres maduras segue os mesmos princípios que norteiam a moda para as mulheres de qualquer idade, que são: respeito ao estilo, à personalidade, ao biótipo, idade, lugar e momento da vida.

É importante respeitar esses quesitos e adequar suas roupas e calçados à sua realidade, dando um toque único ao que você usa.

Aliás, sobre dar um toque de originalidade ao look, Consuelo Blocker diz que sempre se utiliza de uma fórmula para “descaretar” seus looks: originalidade + sensualidade + elemento surpresa.

Mas como se monta um look com a fórmula acima? Explicamos:

Originalidade

Alguma peça com caimento e corte adequados, modelagem diferenciada ou até mesmo de cor ou estampa que te agradem;

Sensualidade

Não precisa ser um decote profundo, uma fenda enorme ou uma micro-saia. Sensualidade não tem haver com mostrar demais, mas sim com valorizar a parte do corpo que você mais gosta. Pode ser os ombros, as pernas, o colo, o pescoço e até mesmo os punhos e tornozelos.

Luiza Brunet
Elemento Surpresa

É algo inusitado que dá um toque especial à composição, um acessório, uma joia, uma bolsa, um sapato estiloso

Fácil não?

Para saber qual seu estilo pessoal, faça uma análise a respeito das suas preferências, da sua personalidade e da sua rotina. Reveja seu guarda roupa e as peças que você mais usa e foque em composições que sejam práticas, valorizem seu corpo e agradem aos olhos.

Débora Bloch

A única roupa errada é aquela que não combina com você. E não existe nada pior do que não se sentir confortável com o que estamos vestindo, não apenas porque está justo demais ou folgado demais, mas sim porque não nos reconhecemos naquele visual.

Pense que não existe uma única verdade de vestir, mas várias, onde você pode expressar as diversas vertentes da sua personalidade, do seu humor, e ainda assim ser você mesma.

Vestir-se (e também despir-se) é um exercício de autoconhecimento que todas nós deveríamos praticar com carinho todos os dias.

Reconhecer as experiências vividas nos empodera e nos deixa mais confiantes para viver ainda mais e melhor.

Related posts

Coleções Temáticas: sapatos e bolsas para usar e colecionar

Ana Paula Matos

Coleção Primavera Verão 2020 J.Gean

Ana Paula Matos

Sandálias de salto grosso são a tendência do verão

Ana Paula Matos

Deixe um comentário